Passeio no rebocador Laurindo Pitta mostra lugares incríveis no Rio

Os passeios de barco que a Marinha promove na Baía de Guanabara são boa oportunidade para visitar recantos pouco acessíveis do Rio, como a Ilha das Enxadas, e também conhecer mais sobre a participação brasileira na I Guerra. Usado atualmente com fins turísticos, o rebocador Laurindo Pitta é o único remanescente da Divisão Naval de Operações em Guerra, cuja criação completa 100 anos em 2018. Além da embarcação, ainda em operação, a frota brasileira contava com dois cruzadores, quatro contratorpedeiros e um tênder. O Brasil declarou guerra aos alemães depois de ter navios bombardeados por submarinos alemães na costa europeia. Parte dessa história é lembrada em exposição em um compartimento do Laurindo Pitta. O passeio dura cerca oitenta minutos, custa 30 reais por pessoa e pode ser agendado no Espaço Cultural da Marinha.

Category: Rio de Janeiro
You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed.Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.



%d blogueiros gostam disto: